Este espaço foi pensado para divulgar e discutir a Cidade de Ipu/CE de uma forma bem espontânea, através de crônicas, causos, versos, além de opiniões e comentários diversos, tanto do autor, quanto dos nossos visitantes. O blog IPU EM CRÔNICAS E VERSOS, embora com muita humildade, busca também promover as peculiaridades do Nordeste através do cordel, uma das expressões mais originais de nossa cultura. Sejam todos bem-vindos! (Ricardo Aragão)


29 de dezembro de 2010

OCIOSIDADE







Mas ora, vejam vocês!
Que coisa mais interessante!
A ociosidade deste blog,
Paradão e tão distante.
Sem nenhuma publicação,
Desde a história do coração,
Sem vogal ou consoante!

Mas deve haver um motivo,
Circunstância, explicação.
Que possa esclarecer
Tamanha paralização.
Talvez o tempo não dê
Para o poeta fazer
Essa atualização.

Mas não basta só o texto
Sem a tal inspiração.
Quem sabe esta só venha
Com ajuda da emoção,
Que por sinal só existe,
Sendo alegre ou até triste,
Se houver um coração!

Mas o coração existe,
Este sempre baterá!
Insultando o intelecto
Do poeta polupar
Para fazer um cordel,
Afinal é seu papel,
Esse povo alegrar!



Ricardo Aragão
Ipu/CE, 29/12/10



Imagem: "Quadro Branco Vazio"
http://1.bp.blogspot.com/_8kPpqWayvuA/SNAOQa2xnHI/AAAAAAAABeg/
jT8e-s0lk_A/s320/quadro+branco+vazio.jpg


.

7 comentários:

Fatinha disse...

Ricardo, quando estiver inspirado escreva sem parar.Se faltando inspiração você nos alegrou com estes versos, imagina inspirado.abs

Anônimo disse...

Vamos lá poeta!!!! 2011 chegou e não chegou ainda um versinho para os seguidores.Ociosidade não, poesias sim! rs.Abs da amiga Fatinha

fatinha disse...

Ô de casa!!!!! onde está você ? queremos uma prosa.Hoje faz um mês da última poesia.Se avexe amigo, estamos esperando.Vou armar a rede.
Abs da amiga Fatinha

fatinha disse...

Ô de casa!!!!! onde está você ? queremos uma prosa.Hoje faz um mês da última poesia.Se avexe amigo, estamos esperando.Vou armar a rede.
Abs da amiga Fatinha

Fatinha disse...

Ah! se você acessasse este Blog... eu ia te contar um tantão de coisas boas.

fatinha disse...

Como é que se abandona um BLOG tão visitado e amado????? agora entendo o abandono as amigas bem menos amadas.fatinha

fatinha disse...

Amigo Blog,

"'Se ele um dia, por acaso perguntar por mim
Diga, por favor, que eu sou feliz ...""

Sua amiga Fatinha